Menu Principal
TwitterFacebook
Menu Secundario

Publicado por em 5/jun/2014 em Notícias | 0 Comentários

CONVERSA INSTITUCIONAL – Quarta edição

CONVERSA INSTITUCIONAL – Quarta edição do evento discute atual momento do MP-PR

CONVERSA INSTITUCIONAL – Quarta edição do evento discute atual momento do MP-PR

Procuradores, promotores, servidores e estagiários do Ministério Público do Paraná, de diversas regiões do Estado, estiveram na última sexta-feira (30), na sede da Procuradoria-Geral de Justiça, participando da quarta edição do projeto Conversa Institucional. Promovida pela Procuradoria-Geral de Justiça, por meio da Assessoria de Comunicação, a iniciativa, que integra o Plano Diretor de Comunicação, tem como objetivo fortalecer os processos de comunicação interna e aprimorar a integração entre membros, servidores e estagiários, por meio da troca de experiências e compartilhamento de informações.

 

O evento teve como tema condutor “Ministério Público em Transformação: o novo momento institucional”. Pela manhã, as atividades foram conduzidas pelo procurador-geral de Justiça, Gilberto Giacoia, com a participação do Subprocurador-geral de Justiça para Assuntos Administrativos e para Assuntos de Planejamento Institucional, Bruno Sergio Galatti, da Subprocuradora-geral de Justiça para Assuntos Jurídicos e coordenadora do Centro de Estudos e Aperfeiçoamento Funcional, Samia Saad Gallotti Bonavides, e do Corregedor-geral do MP-PR, Arion Rolim Pereira. O Procurador-geral recebeu os participantes e falou sobre o papel de cada um na construção da Instituição.

 

Discorrendo sobre o mito de Platão que trata do anel de Gyges e nos propõe uma indagação moral (algum homem seria capaz de resistir à tentação do mal se soubesse que seus atos não seriam testemunhados?), o procurador falou sobre a necessidade de sermos pessoas melhores e de fomentarmos uma sociedade melhor. “Não estamos sozinhos, temos o mesmo ideal e, mais do que normas melhores, precisamos de pessoas melhores, capazes de servir e de construir uma sociedade mais justa”, disse. “Temos que acreditar na capacidade de homens e mulheres de conteúdo ético, acreditar em valores, sermos profetas da esperança”. Na sequência, todos os convidados se apresentaram e falaram um pouco sobre a sua história na Instituição, provocando um diálogo em grupo que mostrou a diversidade de pessoas e de expectativas que permeiam membros, servidores e estagiários que hoje atuam no MP-PR.

 

À tarde, os convidados tiveram a oportunidade atualizar-se sobre alguns projetos e estruturas do MP-PR. O projeto Rede Ambiental foi apresentado pela promotora de Justiça Melissa Cachoni Rodrigues; a promotora de Justiça Himínia Diniz falou sobre o projeto 100% Pré-Escola; o procurador de Justiça Vani Antonio Bueno e os promotores de Justiça Cláudio Franco Félix e Simone Tavarnaro Pereira apresentaram o CAEx – Centro de Apoio Técnico à Execução; e Elaine Kawa (Subplan/DPG) e Sandra Mancino (Subplan/DDO) falaram sobre os projetos desenvolvidos por suas áreas, dentro do planejamento institucional, com destaque para a metodologia do planejamento institucional e os indicadores municipais e para o mapeamento de processos dentro do MP e a estruturação e regulamentação das áreas.

 

A promotora de Justiça Ticiane Louise Santana Pereira, de Medianeira, avaliou positivamente o evento. “Vi de forma muito positiva a realização do Conversa Institucional, principalmente pelo clima de descontração, de integração e pelo compartilhamento de experiências, mais do que de informação, que é o que nos qualifica como servidores públicos e nos torna uma instituição mais humanizada”, afirmou Ticiane, natural da Bahia, que ingressou no MP-PR em dezembro de 2009.

 

O oficial de promotoria Ivonaldo da Silva Malaquias, que atua em Guaratuba e foi o mais novo integrante da Instituição a participar do evento (ele ingressou no MP-PR em agosto do ano passado), afirma que, para ele, a troca de informações entre os colegas de diversas regiões do Estado e a oportunidade de conhecer pessoalmente o procurador-geral de Justiça foram os pontos mais relevantes da iniciativa. “Para mim, foi muito proveitoso conversar com colegas de outros locais, conhecer o trabalho de vários CAOPs e setores e sobretudo conhecer pessoalmente o procurador-geral”, disse.

 

Participaram da quarta edição do Conversa Institucional Camila Adami Martins (Rio Branco do Sul), Elisangela Kovaltchuk dos Santos (Ipiranga), Evelin Sayuri Shishido (Cornélio Procópio), Isamara de Marchi (Colorado), Ivonaldo da Silva Malaquias (Guaratuba), João Eduardo Hones (Guaraniaçu), Michele Nader (Maringá), Rafael Dopico da Silva (Marmeleiro), Rodrigo Fabiano de Oliveira Ferreira (Ibiporã), Ruy Almeida de Sales Júnior (Paranavaí), Ticiane Louise Santana Pereira (Medianeira), Vania Rejane Bernartt (Catanduvas), Eliza Nagel, Geraldo da Rocha Santos, Jacqueline Batisti, Letícia Mendes de Oliveira Cuenca, Luiz Fernando Quintino Rosin, Marcela Longo Ehler, Marina Bettega, Pedro Henrique Nonato da Luz Lago, Priscila Thomé, Luiz Mantovanelli e Sonia Prestes (Curitiba).

Envie um Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *