Menu Principal
TwitterFacebook
Menu Secundario

Publicado por em 26/jul/2013 em Notícias | 0 Comentários

Assembleia do dia 24/07

A Assembleia do dia 24/07 contou com grande participação de Servidores da capital e também do interior

A Assembleia do dia 24/07 contou com grande participação de Servidores da capital e também do interior

A Associação dos Servidores do Ministério Público do Paraná – ASSEMP-PR, entidade  representativa dos Servidores do Ministério Público do Estado do  Paraná, informa que a Assembleia Geral Extraordinária ocorrida no  dia 24/07/2013 para tratar do Plano de Cargos Carreiras e Salários,  contou com grande participação de Servidores da capital e também do  interior, que enviaram representantes munidos de procuração.

O grande destaque da Assembleia foi o foco na pauta e a participação  heterogênea e diversificada dos Servidores, que deixaram claro sua  insatisfação com a frequente protelação da implementação do PCCS pela Administração Superior, bem  como das ameaças de perdas das  nossas conquistas históricas, como o percentual de 2,35% para os  interníveis, o quinquênio, a licença especial, a unicidade do padrão  salarial por nível de instrução, etc., que são inegociáveis e não eram  objeto de discussão do PCCS.
Diante da promessa da Administração do MPPR de concluir e entregar à ASSEMP-PR no dia 06/08/2013 (terça-feira) a minuta do plano que será apresentada  ao Colégio de Procuradores na primeira quinzena de setembro/2013, na  mesma sessão que aprovará a proposta orçamentária para 2014, deliberou-se por uma nova Assembleia no dia 09/08/2013 (sexta-feira), quando será  avaliado o PCCS e decidido sobre a aplicação das medidas discutidas e  aprovadas na Assembleia do dia 24/07/2013.
A ASSEMP-PR reafirma seu compromisso com os Servidores do MPPR e  esclarece que não transigirá sobre qualquer alteração que implique em  perda de direito conquistado.
A ASSEMP-PR continuará envidando todos os esforços para a implantação de  um PCCS digno aos Servidores do MPPR, mas entendemos que o dilatado e  conturbado cronograma para sua implantação tem causado prejuízos mensais que não podem se perpetuar, exigindo a participação individual dos  Servidores, seja na divulgação responsável dos acontecimentos nos canais de comunicação existentes, seja pela mobilização em torno do assunto na sua unidade de trabalho.
Faça você a sua parte!
A Diretoria

Envie um Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *